Ir para o conteúdo
ou

Thin logo

Dia C Bahia

COOPERE COM A VIDA

 Voltar a Blog
Tela cheia Sugerir um artigo

Cooperativas do Oeste baiano lançam campanha de doação de sangue Doar Faz Bem 2019

30 de Maio de 2019, 12:02 , por Iasmin Santana - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 69 vezes
Lancamento doar faz bem

Para cada ato voluntário de doação de sangue até quatro vidas são salvas. Apesar da equação parecer simples, os desafios ainda são grandes, principalmente na sensibilização e fidelização de novos doadores, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS).

No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, 1,8% da população doa sangue com regularidade. O percentual ainda é baixo se comparado com índice ideal estimado pela própria OMS, de 3 a 5% da população, para suprir as necessidades de sangue e outros componentes sanguíneos de um país.

Para reverter essa estatística, as cooperativas agropecuárias de Luís Eduardo Magalhães: Cooperfarms (Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia), Unibahia (Sociedade Cooperativa Unibahia) e Cooproeste (Cooperativa Agropecuária do Oeste da Bahia), a de crédito, Sicredi MS/TO, e a de transporte, Cootransf (Cooperativa de Transporte São Francisco), renovaram nesta quarta-feira (28), durante a feira Bahia Farm Show, mais este compromisso com a comunidade regional. Com o apoio institucional da Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba) e da prefeitura municipal de Luís Eduardo Magalhães, o segmento cooperativista fez o lançamento da campanha de doação de sangue e cadastro de medula óssea: Doar Faz Bem.

Este é o terceiro ano consecutivo que as cooperativas abraçam a causa, que integra o programa nacional Dia de Cooperar Dia C - uma agenda estratégica do cooperativismo brasileiro com o objetivo de executar a responsabilidade social, colocando em prática os valores e os princípios cooperativistas por meio de ações voluntárias. Na Bahia, o Dia C tem o apoio e incentivo do Sistema OCEB.

Em 2018, o Doar Faz Bem coletou 350 bolsas de sangue, um acréscimo de 100 bolsas em relação à campanha anterior. Para este ano, a meta é atingir 500 bolsas, entre os dias 17 a 20 de setembro de 2019. Segundo o presidente da Cooperfarms, Marcelo Kappes, o Dia C reforça o compromisso das cooperativas por uma sociedade mais justa e com melhores oportunidades para todos. “Essa campanha de doação de sangue converge com os objetivos do cooperativismo que é unir pessoas, de estar próximo e de fazer o bem”, defendeu ele.

Para a coordenadora da Hemorrede da Fundação Hemoba, Letícia de Freitas Santos, a iniciativa é “um ato de solidariedade que proporcionará a manutenção e o atendimento das demandas de hemocomponentes do oeste baiano e regiões circunvizinhas”, disse. Segunda ela, as características etnológicas da população do oeste diferem das demais do Estado e isso é uma vantagem, pois “a população da região favorece a coleta de grupos diferentes com tipos sanguíneos negativos e raros, que podem abastecer a nossa rede estadual”, detalhou.

Para o secretário de saúde de Luís Eduardo Magalhães, que de antemão já confirmou o apoio da pasta na execução da campanha, a ação é uma atitude nobre, pois tem a missão de salvar vidas. “Aqui em Luís Eduardo Magalhães temos sempre dificuldade de realizar cirurgias e procedimentos devido à falta de sangue, muitas vezes, indo buscar em Barreiras para que o paciente não entre em óbito. Essa é uma ação muito nobre, eu só posso dar os parabéns por todo esse projeto e o envolvimento de todos”, destacou o secretário.

Fonte: Site da Cooperfarms


Tags deste artigo: promoção social Dia C 2019 Oeste

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

* campo é obrigatório

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.