Ir para o conteúdo
ou

Thin logo

Comunicação - Sistema OCEB

Nenhum artigo selecionado ainda.
 Voltar a Notícias
Tela cheia Sugerir um artigo

FÓRUM AGRO: Secretário de agricultura recebe cooperativas baianas

3 de Maio de 2019, 14:45 , por Brenda Gomes - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 92 vezes
Reuniao do forum agro dia 26.04.2019

O cooperativismo tem um papel importante no desenvolvimento da economia, em todo o país. Exemplo disso é o cooperativismo agropecuário que, de acordo com a Organização das Cooperativas Brasileiras – OCB, em 2017, faturou R$ 200 bilhões, um valor que representa um crescimento de 10,61% em relação ao faturamento registrado em 2016, que foi de R$ 180,8 bilhões.

Na Bahia, as cooperativas agropecuárias contam com uma importante iniciativa que busca garantir soluções, fortalecimento e desenvolvimento do agronegócio baiano: o Fórum das Cooperativas Agropecuárias da Bahia. O Fórum, que é uma iniciativa do Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado da Bahia – OCEB, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado da Bahia – SESCOOP/BA, junto às cooperativas baianas do agronegócio, tem realizado atividades, desde o ano de 2017, pautando espaços estratégicos com suas demandas a fim de fortalecer as cooperativas.

Reuniao do forum agro com secretario 8

 Nos dias 25 e 26 de abril ocorreu, em Salvador, mais uma reunião do Fórum. Na última quinta-feira (25/04), a reunião ocorreu no gabinete do Secretário da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura da Bahia - SEAGRI, Lucas Teixeira Costa, e a pauta foi a apresentação das demandas das cooperativas do Fórum e o Plano de Desenvolvimento Cooperativo do Semiárido Brasileiro.

Para o Secretário é de extrema importância a parceria para que a agricultura e pecuária no estado funcionem com mais força. “A gente unido tem uma força de expressão muito maior. O que foi solicitado na reunião foi a vinda das demandas das cooperativas para a SEAGRI. E, sem dúvidas, ninguém melhor que o produtor para trazer essas demandas para a gente. Foi cobrado e foi pedido para que a secretaria abrisse as portas para todos os produtores. E no que pudermos apoiar as cooperativas estaremos à disposição”, afirmou.

Para Jaymilton Gusmão, presidente da Cooperativa Mista Agropecuária Conquistense – COOPMAC, a reunião com o secretário foi um passo importante para o grupo, que segundo ele “está caminhando passo a passo, de forma muito objetiva. A percepção do secretário entendendo nossas demandas, reconhecendo nossa força, abrindo as portas para o diálogo, querendo conhecer o seguimento, aumenta ainda mais nossa responsabilidade em escrever essas páginas do desenvolvimento agropecuário aliado ao cooperativismo”, conta.

Luiz Pradella, conselheiro da Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia - COOPERFARMS, aproveitou a oportunidade para sinalizar o importante papel do Estado para a expansão da atuação das cooperativas na Bahia.  “Ser ouvido pelo secretário foi muito bom. Conseguimos sugerir mudanças e solicitar ao Estado que exerça sua função como marco regulatório para que as atividades aconteçam. Ele se mostrou bastante interessado no assunto, propôs algumas agendas e solicitou que encaminhemos para ele as demandas do setor.”

Dando sequência ao cronograma de atividades, o grupo ainda se reuniu na sexta-feira (26/04) para elaboração de um plano com demandas individuais e coletivas para ser entregue à SEAGRI.

Exercitando a intercooperação

O cooperativismo tem como um dos seus princípios a intercooperação, que é a ajuda mútua não somente entre associados, mas também entre as cooperativas. Sendo essa uma das funções do Fórum, Carine Andrade, Agrônoma da OCEB, destaca que este espaço é fundamental para que as cooperativas se conheçam melhor e viabilizem formas de fazer negócios. “O Fórum vem se mostrando uma excelente estratégia para as cooperativas, e é possível enxergar isso em cada reunião, como elas evoluíram desde o início, das experiências compartilhadas e a busca por soluções dos problemas comuns entre elas. É gratificante acompanhar esse crescimento e os depoimentos de reconhecimento do trabalho que vem sendo desenvolvido pelo Sistema OCEB”, afirma. 

Estimulando, ainda mais, a competitividade no mercado, Ana Paula Silva, presidente da Cooperativa Agrícola Gandu – COOPAG, destaca a força da representação das cooperativas a partir do fórum. “Sabemos que são vários desafios que deixamos na mão do secretário, que talvez não vamos conseguir em curto prazo. Mas, o mais importante foi ele perceber que o cooperativismo não quer pedir, não queremos benefícios, queremos competir, continuar no mercado, fazer nosso trabalho bem feito, promover desenvolvimento e que o Governo do Estado seja uma das ferramentas de apoio das cooperativas. Queremos ajudar o Brasil a se desenvolver, baseados nos nossos valores e termos como parceiro, principalmente, o governo.”

Estiveram presentes na reunião do Fórum  representantes das Cooperativas : COOPMAC, COOPERFARMS, COOPROESTE, COOPAG e COOPERVERDE.

 

Veja outras notícias sobre o Fórum:

COOPERATIVAS AGROPECUÁRIAS CONHECEM DE PERTO O COOPERATIVISMO CATARINENSE

COOPERATIVAS AGROPECUÁRIAS DA BAHIA FORTALECEM A INTERCOOPERAÇÃO

GESTORES DE COOPERATIVAS AGROPECUÁRIAS PARTICIPAM DE INTERCÂMBIO

FÓRUM REUNIU COOPERATIVAS AGROPECUÁRIAS DA BAHIA

 

Por Ascom OCEB


0sem comentários ainda

Enviar um comentário

* campo é obrigatório

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.