Ir para o conteúdo
ou

Ramo Agropecuário

 Voltar a Blog
Tela cheia Sugerir um artigo

Cooperativas agropecuárias baianas se reúnem em LEM

21 de Julho de 2015, 11:24 , por André Felipe - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 17 vezes
Cooperativas agropecuárias baianas se reúnem em LEM

O sistema cooperativista baiano possui hoje, mais de 535 cooperativas registradas em 10 ramos de atuação. No setor agropecuário, esse número representa 55 cooperativas, o que coloca o segmento na segunda posição em porcentuais de cooperativas ativas junto ao Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado da Bahia (Oceb).

Para fortalecer o setor, o Sistema Oceb inovou e implantou para 2014, o Encontro Estadual das Cooperativas do Ramo Agropecuário, uma iniciativa para discutir assuntos pertinentes e de interesse comum da atividade agropecuária, que permite, sobretudo a intercooperação e a troca de experiência.

Luís Eduardo Magalhães, no oeste baiano, foi a cidade escolhida para sediar a primeira edição do Encontro, realizada na última quinta-feira, 16. Na pauta, ações e linhas de crédito às cooperativas agropecuárias e produtores rurais com a participação de representantes do BNDS (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e da Desenbahia (Agência de Fomento do Estado da Bahia), além da implantação de um Fórum de Dirigentes Cooperativistas do Agronegócio Baiano, semelhante ao que acontece no estado do Mato Grosso. A proposta é que as cooperativas operem entre si, aumentando o nível de cooperação, formarem redes de negócio com o ganho de escala que possibilite uma representatividade maior no mercado, melhorando sua eficiência e a renda do cooperado. Ao total, 25 representantes de 15 cooperativas do ramo participaram do Encontro, que também contou com visitações técnicas às cooperativas Cooproeste e Cooperfarms.

O presidente da Oceb, Cergio Tecchio, definiu o encontro como “um dia de compartilhamento de experiências e de modelos cooperativistas diferentes. Esse encontro marca um novo ciclo no cooperativismo agropecuário baiano. É momento das cooperativas se unirem e juntas pensarem em novos projetos para o ramo na Bahia e também para futuros negócios compartilhados”, disse.

“A concordância do grupo pela criação do fórum de cooperativas agropecuárias baianas, sem dúvida, trará sinergia e novas oportunidades de negócio. Com as forças de cada um vamos suprimir muitas fraquezas do setor e crescimento será coletivo”, completou Carlos Meurer, diretor executivo da Cooperfarms e membro conselheiro da Oceb no ramo agropecuário.

 

DSC00937

 

Fonte: Site da Cooperfarms

 


Categorias

Agropecuário

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.