Ir para o conteúdo
ou

Thin logo

Tela cheia Sugerir um artigo
 Feed RSS

Notícias

31 de Janeiro de 2013, 0:00 , por Desconhecido - | 1 pessoa seguindo este artigo.

Seja bem-vind@ à central de notícias do Sistema OCEB. Aqui você fica por dentro de tudo o que acontece no universo do cooperativismo baiano.


Diretoria da OCEB é recebida em audiência pelo governador da Bahia

11 de Outubro de 2011, 3:00, por Portal Bahia Cooperativo

O Presidente do Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado da Bahia (OCEB) e do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo do Estado da Bahia (Sescoop/BA), Cergio Tecchio, foi recebido em audiência pelo governador da Bahia, Jaques Wagner, onde tratou de assuntos relacionados ao cooperativismo no Estado. A audiência ocorreu no gabinete do governador, no dia 11 de outubro, e contou com a presença da secretária da Casa Civil, Eva Chiavon, do vice-presidente da OCEB, Paulo Colavolpe, e do diretor secretário da OCEB, Roberto Viana.“A principal missão do sistema OCEB e Sescoop/BA é a defesa dos princípios e valores da doutrina cooperativista, através do desenvolvimento de ações que façam o cooperativismo ocupar espaço nos diferentes setores da economia”, disse Tecchio no início de sua apresentação. Na oportunidade, ele agradeceu o apoio do governador na promulgação da Lei Estadual do Cooperativismo e na emissão do Decreto que regulamenta as ações do estado em relação ao cooperativismo baiano. Tecchio apresentou ainda, as ações que vem sendo desenvolvidas junto à sociedade através da formação de professores, jovens, dirigentes e colaboradores do cooperativismo na Bahia.Durante o encontro, Tecchio propôs uma série de ações para 2012 – ano decretado pela Organização das Nações Unidas (ONU) como Ano Internacional do Cooperativismo - a serem desenvolvidas em parceria com o governo do estado, com o objetivo de divulgar o cooperativismo na Bahia. “O governador viu a proposta de desenvolver ações em 2012 com bons olhos, e confirmou a possibilidade de colocá-las em prática”, declarou o presidente da OCEB após a audiência.A necessidade de buscar incentivos federais para o desenvolvimento do cooperativismo na Bahia e no Nordeste, através de linhas de crédito específicas para o sistema cooperativista nos bancos BNDES e Banco do Nordeste foi assunto de destaque na audiência.O apoio a agroindústria através do cooperativismo; a não discriminação das cooperativas nas licitações; o estímulo da exportação via cooperativas com apoio em linhas de crédito e infra-estrutura; e o aumento da produção leiteira através de cooperativas foram outros temas abordados.Segundo Roberto Viana, o governador mostrou bastante conhecimento sobre várias cooperativas que atuam no estado. “Ele sugeriu nossa participação na formatação de projetos que tenham o objetivo de agregar valor às atividades das cooperativas e de seus associados, impulsionando o crescimento do cooperativismo e do estado”, declarou Viana.O reconhecimento do cooperativismo como categoria econômica pelo governo federal e a sua estruturação sindical organizada em sindicato, federação e confederação sindical foram apresentadas a Jaques Wagner como importantes conquistas do cooperativismo.Para Paulo Colavolpe, o interesse do governador em conhecer as necessidades do cooperativismo no estado é bastante positivo. “A aproximação da gestão da OCEB/Sescoop-BA com os órgãos governamentais vão trazer grandes benefícios ao Cooperativismo Baiano”, completa.



Diretoria da OCEB é recebida em audiência pelo governador da Bahia

11 de Outubro de 2011, 3:00, por Portal Bahia Cooperativo


Comissão de Contabilidade para as Cooperativas é oficializada pela CRC/BA

7 de Outubro de 2011, 3:00, por Portal Bahia Cooperativo

O Sistema Cooperativo Baiano vem conquistando importantes espaços que impulsionarão o seu crescimento no cenário nacional. A oficialização da Comissão de Contabilidade para as Cooperativas, realizada no dia 07 de outubro, é um reflexo do planejamento estratégico do Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado da Bahia – OCEB, que vem buscando, junto aos órgãos representativos de classe, estabelecer parcerias para o desenvolvimento do cooperativismo. A constituição da comissão foi fruto da parceria entre a OCEB e o Conselho Regional de Contabilidade do Estado da Bahia (CRC/BA) com o objetivo de tratar da organização e discussão de eventos relacionados à contabilidade de cooperativas. O vice-presidente da Câmara Técnica do CRC/BA, contador Wellington Cruz, e a presidente do CRC/BA, contadora Maria Constança Carneiro Galvão, apoiaram a formalização da Comissão que ocorreu através da Portaria CRC/BA nº135/2011. Os integrantes da comissão tomarão posse na primeira reunião do colegiado.Fazem parte dos objetivos da Comissão: desenvolver atividades que disseminem a produção do conhecimento com o intuito de fomentar melhores práticas de reconhecimento, mensuração e evidenciação das ações relacionadas às cooperativas; propor ações que busquem melhorar os instrumentos regulatórios e normas contábeis relacionadas ao seguimento.Para o presidente da OCEB, Cergio Tecchio, esta é mais uma conquista do cooperativismo baiano em busca de sua profissionalização e espaço na sociedade para seu desenvolvimento. “Temos muitas dificuldades em encontrar profissionais na área contábil que conheça as normas que regem o cooperativismo. Esperamos com este trabalho avançar para a formação de profissionais que supram a necessidade do sistema cooperativo no estado”, declara Tecchio.A Comissão será composta pelos contadores: Alexsandro do Carmo Silva, Presidente da Comissão; Rogério Nogueira da Silva; Bernardo Nascimento dos Santos; Geovani Silva de Carvalho; Livia Conceição da Silva e Valmir Lima Silva.Segundo Alexsandro do Carmo Silva, a formação deste colegiado é uma grande oportunidade para se debater as ações educacionais que serão colocadas em prática visando à capacitação dos profissionais de contabilidade a atuarem nas cooperativas.Com a citada Portaria, o CRC/BA objetiva discutir a contabilidade de forma relacionada com as Normas Brasileiras de Contabilidade; promover a interação entre as Instituições e o CFC/CRCBA para formar profissionais conscientes dos seus desafios enquanto agentes de transformação no cenário econômico brasileiro desenvolvido pelas cooperativas, inclusive, em consonância com o que prever a Constituição Federal do Brasil que incentiva o desenvolvimento das cooperativas.



Cooperativas discutem política estadual de apoio ao Cooperativismo em evento promovido pelo Sescoop/BA

7 de Outubro de 2011, 3:00, por Portal Bahia Cooperativo

Diversas cooperativas baianas se reuniram na última sexta-feira, 07 de outubro, para discutir a Lei Estadual do Cooperativismo Baiano e o Decreto que a regulamenta, durante o III Encontro Estadual dos Ramos do Sistema Cooperativo Baiano. “É a nossa missão fazer o Decreto funcionar. As idéias que sairão daqui hoje serão levadas ao governo com este objetivo”, destacou o presidente do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo do Estado da Bahia - Sescoop/BA, Cergio Tecchio, na abertura do evento.Segundo o Secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (SETRE), Nilton Vasconcelos, o estado ainda está pouco instrumentalizado de profissionais que entendam a atividade cooperativista. “Com a criação do Conselho Estadual do Cooperativismo abrimos um espaço de interação entre o governo e as cooperativas. Precisamos avançar no desenvolvimento da cultura cooperativista e isso acontecerá através da educação. Nossa próxima missão é estruturar o cooperativismo no estado”, destacou Vasconcelos. Para o superintendente da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), Renato Nobile, a sinergia que a OCEB e o Sescoop/BA possuem com as secretarias do governo é uma oportunidade para dar eficácia operacional à lei. “Enquanto OCB temos que irradiar esse exemplo para os outros estados”, destacou Nobile.Representantes de diversas secretarias do governo estadual apresentaram ações que já estão sendo desenvolvidas com o intuito de alavancar o cooperativismo no estado baiano. Segundo Tiago Filgueiras, representante da Casa Civil, o governo do estado tem papel importante no desenvolvimento das cooperativas através da compra de produtos alimentícios direcionados à merenda escolar. “Nossa prioridade de atendimento são as cooperativas porque sabemos que por trás delas existem milhares de famílias”, ressaltou.Após as apresentações das secretarias, os gestores das cooperativas reuniram-se em grupo, de acordo com o ramo de atuação, com o objetivo de propor ações ao governo que incentivem o desenvolvimento do cooperativismo no estado.O Encontro contou com a participação de representantes da Agência de Fomento do Estado da Bahia (Desenbahia), Secretaria da Educação (SEC BA), Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (SETRE) e Casa Civil.O evento foi realizado pelo SESCOOP/BA, em parceria com o Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado da Bahia – OCEB.



Comissão de Contabilidade para as Cooperativas é oficializada pela CRC/BA

7 de Outubro de 2011, 3:00, por Portal Bahia Cooperativo


Categorias

Comunicação
Tags deste artigo: cooperativismo